quinta-feira, 21 de junho de 2012

MP pede afastamento de oito vereadores em Paço do Lumiar

O MP quer também o envio de documentos que determinaram afastamento do vice-prefeito Raimundo Filho.

SÃO LUÍS - O Ministério Público do Maranhão pede o afastamento imediato de oito vereadores do município de Paço do Lumiar.
Estão sendo acionados o presidente da Câmara de Vereadores, Alderico Jefferson Abreu da Silva Campos, e os demais parlamentares Francisco Pereira Filho, José Francisco Gomes Neto, Antonio Jorge Lobato Ferreira, Raimundo Pedro Silva, Sebastião Escolástico Almeida Filho, Wilson Pires Amaral e Thiago Rosa da Cunha Santos, que estariam presentes à sessão que determinou, supostamente, o afastamento do vice-prefeito, Raimundo Filho.
A ação do MPMA é assinada por quatro promotores: Gabriela Brandão da Costa Tavernard, Reinaldo Campos Castro Júnior, Samaroni de Sousa Maia e Marcos Valentim Pinheiro Paixão.
No objeto em questão, além do afastamento imediato dos oito vereadores acionados, os promotores requerem o envio de todos os documentos referentes à sessão da Câmara de Vereadores de Paço do Lumiar que determinou o afastamento do vice-prefeito Raimundo Filho.
Os promotores alegam que houve ilegalidade no processo que determinou a saída do vice-prefeito de Paço do Lumiar, Raimundo Nonato da Silva Filho, conhecido como Raimundo Filho, ocorrido em 6 de dezembro de 2011,
Isso motivou uma Ação Civil Pública por Ato de Improbidade Administrativa ajuizada pelo Ministério Público do Maranhão (MPMA), no último dia 14 de junho, requerendo o afastamento dos parlamentares.
Os vereadores acionados pelo Ministério Público do Estado do Maranhão alegam ter notificado o vice-prefeito sobre o afastamento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário