quinta-feira, 12 de julho de 2012

Decreto de anulação do concurso público de Buriti-MA é mantido e futuro dos aprovados segue indefinido

Decreto de anulação do concurso público de Buriti-MA é mantido e futuro dos aprovados segue indefinido.


Após chegada dos donos da empresa Somar Assessoria, Lenilson Kael e sua esposa Márcia, ontem (10), na Promotoria de Buriti-MA, para organizar o recebimento dos títulos, que se iniciaria hoje (11), foram comunicados pelo Promotor de Justiça, Dr Clodoaldo Nascimento Araújo, de que não poderiam dar prosseguimento às etapas finais do concurso municipal em decorrência do Decreto nº 005/2012, baixado na última sexta-feira (6), em que o prefeito Francisco Evandro Freitas Costa Mourão (Neném Mourão) decidiu anular todo o Concurso Público Municipal de Buriti.

Os sócios da empresa foram surpreendidos pela decisão unilateral do prefeito e, em conversa com o promotor de Justiça, afirmaram nunca terem sido notificados ou consultados pela administração sobre a possível anulação do certame. Eles só souberam da anulação por meio deste Correio Buritiense e que não poderiam deixar, até então, de continuar as etapas porque não haviam sido comunicados oficialmente da decisão.

Surpreendidos pelo Decreto, a empresa alegou não haver motivo verídico para anulação do concurso e solicitou a presença do prefeito à reunião de ontem, mas de forma sorrateira, em ofício ao Promotor, Neném Mourão reiterou suas considerações postas no decreto e disse que não compareceria em audiência com a Somar Assessoria por não está com seus advogado
Diante de todo esse imbróglio gerado a partir da decisão, diga-se de passagem, mal explicada, do prefeito de anular o concurso cabe fazermos alguns questionamentos pertinentes.

Juiz Manda Abrir Inquérito Contra Blogueiro Enedilson

Mantenedores de Blogs e Outros Profissionais da Imprensa Reunidos com Juiz Eleitoral
 
No início da reunião com os blogueiros de Chapadinha, que aconteceu na tarde de ontem, o juiz eleitoral Cristiano Simas pediu explicações ao secretário geral do SINDCHAP, Enedilson Santos (do blog “Chapadinha Anúncios”), por conta de uma publicação em ele questiona a imparcialidade da justiça eleitoral de Chapadinha.
Na matéria o blogueiro desenvolve um diálogo fictício que insinua parcialidade do judiciário local. O juiz leu o diálogo que finaliza com a frase “e na onda 43, se não for no voto toma outra vez” e perguntou ao que o blogueiro se referia.
Enedilson respondeu que a matéria se tratava de uma sátira parecida com as que o programa CQC se utiliza.
O juiz Cristiano Simas afirmou que para ele “é irrelevante quem vai ganhar, mas um negócio destes aqui põe em cheque a credibilidade do judiciário” disse chamando à responsabilidade dos meios de comunicação para não tentarem induzir a população a suspeitar da conduta de juízes e promotores neste processo eleitoral.
O titular da 42ª Zona, que responde por Chapadinha e Mata Roma, disse ainda que ganhará quem tiver votos, mas ressalvou que “quem ganhar, mas se o fizer de maneira ilegítima vai perder o mandato. Se alguém acha que eu como juiz eleitoral ou o ministério público vamos nos omitir vai perder a viagem” disse Cristiano Simas.
O juiz finalizou afirmando que vai determinar abertura de inquérito policial sobre os fatos alegados na matéria e vai cobrar explicações do blogueiro em caso de abertura de processo.

Polícias civil e militar de Chapadinha e Brejo, prendem 5 integrantes de perigosa quadrilha

O homem conhecido como Andrade ou "Irmão" é considerado um dos mais perigosos da Região.


Uma operação conjunta entre o Serviço de Inteligência da 4ª Companhia Independente, Investigadores da 3ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Chapadinha com apoio do Destacamento da PM de Brejo, MA desarticulou nesta quarta-feira (11), uma quadrilha de assaltantes que agiam em várias cidades de região do Baixo Parnaíba e Munim.
Andrade é o de camisa listrada.


Gilberlândia enscotrava-se com a quadrilha, na hora da prisão.

Governadora inaugura hospitais em Peritoró e Alto Alegre do Maranhão

Governadora inaugura hospitais em Peritoró e Alto Alegre do Maranhão

Governadora visita leitos
Os hospitais de Peritoró e de Alto Alegre do Maranhão foram entregues na manhã desta quarta-feira (11), pela governadora Roseana Sarney e pelo secretário de Saúde, Ricardo Murad.
Mais duas cidades maranhenses receberam hospitais do programa Saúde é Vida, de iniciativa do Governo do Estado.
Na manhã desta quarta-feira (11), a governadora Roseana Sarney e o secretário de Estado da Saúde, Ricardo Murad, entregaram unidades de saúde com 50 leitos nos municípios de Peritoró e Alto Alegre do Maranhão.
Alto Alegre do Maranhão

PM encontra maconha na casa de agente comunitário de saúde

Neto Branco
No último fim de semana o repórter policial Sena Freitas estava em mais um plantão na delegacia de Codó. A bronca dessa vez foi a apreensão de drogas em posse de um rapaz conhecido como Neto Branco. De acordo com informações do Cabo Layres, a viatura da polícia fazia ronda de rotina nas proximidades da Avenida Primeiro de Maio, na altura do cemitério do cajueiro, quando avistaram um suspeito sentado na porta de sua casa. Ao notar a presença de Força Tática da PM, ficou apreensivo, o que fez os policiais desconfiarem ainda mais do suspeito.
O cabo relatou que o rapaz era agente comunitário de saúde, mas mesmo assim a polícia resolveu abordá-lo. Na primeira revista não foi encontrado nada com Neto Branco, mas os soldados acharam um papelote de maconha na porta de sua residência. Neto correu e tentou fugir do flagrante. Por volta das 5h da tarde uma testemunha foi solicitada para acompanhar uma revista da polícia no primeiro cômodo da casa. Para surpresa dos policiais foi encontrado 272 gramas de maconha embrulhada em uma camiseta preta, colocada dentro de um balde.
Maconha encontrada
A polícia possui informações que após as prisões de Romarinho e Cícero, Neto Branco queria assumir o comando da boca de fumo. Neto Branco também é acusado de tentar matar, juntamente com o comparsa Sandro, o olheiro de boca de fumo, José Carlos. A policia fez o Boletim informativo e colocará o acusado a disposição da justiça. Neto Branco é agente comunitário de saúde, mas possui passagens pela polícia por tráfico de drogas e tentativa de homicídio.
Com informações de Sena Freitas, O Xerife.