quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Vigilante é baleado enquanto trabalhava em supermercado

Raimundo Nonato Fonseca foi baleado por dois homens que estavam em uma moto.

SÃO LUÍS - O vigilante Raimundo Nonato Barbosa Fonseca, que trabalhava no Supermercado Todo Dia, localizado no Jardim São Cristóvão, foi baleado por dois homens que estavam em uma moto. O caso ocorreu por volta de 1h da manhã desta quinta-feira (24), no local de trabalho da vítima.
Segundo informações, os bandidos chegaram em uma moto e anunciaram o assalto. A polícia não tem informações se Raimundo Nonato reagiu ao assalto. Um dos criminosos disparou quatro tiros, um atingiu o peito, dois abdômen e outro na perna do vigilante. Ele foi socorrido e levado em estado grave para o hospital Clementino Moura, o Socorrão II.
A polícia acredita que o objetivo dos assaltantes era levar a arma do vigilante. Até agora, nenhum dos bandidos foi localizado.

SSP apresenta quadrilha que assaltava casas de luxo

O bando, formado por quatro homens e três mulheres, também assaltou a casa de um major.

Foto: Domingos Ribeiro/Mirante AM
SÃO LUÍS - A polícia prendeu na tarde desta terça-feira (22), uma quadrilha de assaltantes que aterrorizava agindo em residências na capital maranhense. Foram presos: Raimundo Nonato Vieira, Rafael Nonato Azevedo Vieira, Paulo Rogério de Sousa e Sousa, Darlan Silva Ferreira, além das mulheres Rayana dos Santos Pereira, Liliane Silva Oliveira e Rafaela Sodré Costa.
Em poder do bando foram apreendidos notebooks, aparelhos de TVs, jóias, conjunto de cozinha, além de veículos e motos. Eles também são suspeitos de assaltar a casa de um major da PM e de um delegado em São Luís.
O septeto presta depoimento na Superintendência Especial de Investigação Criminal (Seic). As vítimas da quadrilha devem comparecer à delegacia.

Famílias são retiradas de terreno invadido na Matinha, em Ribamar

Moradores alegam não ter para onde ir e Defensoria Pública vai recorrer na Justiça.

Cerca de 200 famílias foram retiradas de um terreno no bairro Matinha, em São José de Ribamar, em uma ação de reintegração de posse. Na área, que abrigava o Residencial Edimar Cutrim há cerca de um ano e meio, haviam sido construídas várias casas de alvenaria, entre as moradias de taipa. Muitos invasores permaneceram no local guardando os poucos móveis e eletrodomésticos, alegando que reconstruirão os imóveis destruídos.
Informados há uma semana que deveriam desocupar o terreno, os moradores deixaram para sair das casas construídas no local apenas após a chegada da Polícia Militar, que foi dar apoio ao cumprimento do mandado de reintegração. Além de retirar colchões, fogões e outros pertences de dentro das casas, muitos aproveitaram para carregar telhas e pedaços de madeira, que podem ser reaproveitados em outras construções.

Esquentou! Natália rouba um beijo de Yuri na Festa Charme

Depois de muito insistir, o brother recebeu um beijo da loira.

Foto: Reprodução/TV Globo
Toda a insistência valeu para o brother Yuri. Depois de correr atrás da sister Natália durante toda a Festa Charme nesta quarta-feira (23), o lutador finalmente conseguiu o que queria.
Depois de desistir da festa, Yuri foi dormir. E Natália seguiu o brother para acordá-lo. Depois de muita insistência, o lutador vira e a loira tasca um beijo na boca dele.
Apesar do beijo dado pela sister, Yuri não ganha mais nenhum outro, pois a gaúcha se esquiva e acaba voltando para a festa com ele.
Natália convida o veterano a voltar para a Festa Charme, mas ele não cede. Yuri fica tentando beijá-la, e ela só se esquiva.

Dilma anuncia redução na conta de luz a partir desta quinta-feira (24)


Foto: Wilson Cruz / Agência Brasil
BRASÍLIA - A presidenta Dilma Rousseff disse ontem (23), em pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão, que o Brasil tem energia suficiente para o presente e para o futuro, “sem nenhum risco de racionamento ou qualquer tipo de estrangulamento, no curto, médio ou no longo prazo”. Dilma anunciou que, a partir de amanhã, a conta de luz dos brasileiros terá uma redução de 18% para as residências e de até 32% para as indústrias, agricultura, comércio e serviços.
O corte é maior do que o anunciado em setembro do ano passado. “Com a redução de tarifas, o Brasil passa a viver uma situação especial no setor elétrico, ao mesmo tempo baixando o custo da energia e aumentando sua produção elétrica”, disse Dilma. Ela assinou hoje um decreto e uma medida provisória com os novos índices de redução das tarifas.
Segundo ela, os consumidores que são atendidos pelas concessionárias que não aderiram à prorrogação dos contratos (Companhia Energética de São Paulo - Cesp, Companhia Energética de Minas Gerais – Cemig e Companhia Paranaense de Energia - Copel) também terão a conta de luz reduzida.
A presidenta criticou duramente as previsões sobre a possibilidade de racionamento de energia por causa do baixo nível dos reservatórios das hidrelétricas. Ela explicou que praticamente todos os anos as usinas térmicas, movidas a gás natural, óleo diesel, carvão ou biomassa, são acionadas com menor ou maior exigência para garantir o suprimento de energia do país. Segundo Dilma, isso é “usual, normal, seguro e correto”.
“Surpreende que algumas pessoas, por precipitação, desinformação ou outro motivo, tenham feito previsões sem fundamento quando os níveis dos reservatórios baixaram e as térmicas foram normalmente acionadas. Como era de se esperar, essas previsões fracassaram, o Brasil não deixou de produzir um único quilowatt que precisava. E agora, com a volta das chuvas, as térmicas voltarão a ser menos exigidas”, explicou.
A presidenta disse que o país irá dobrar em 15 anos a capacidade instalada de energia elétrica, que hoje é 121 mil megawatts. Segundo ela, no ano passado, o país colocou em operação 4 mil megawatts e 2,7 mil quilômetros de linhas de transmissão e, este ano, deve colocar mais 8,5 mil megawatts de energia e 7,5 mil quilômetros de novas linhas. “Temos contratada toda a energia que o Brasil precisa para crescer e, bem, neste e nos próximos anos”. Dilma também disse que o sistema elétrico brasileiro é um dos mais seguro do mundo porque trabalha com fontes diversas de produção de energia, o que não ocorre na maioria dos países.
Durante o pronunciamento, a presidenta também criticou os que, segundo ela, “são sempre do contra”, e não acreditavam que o governo conseguiria baixar os juros, aumentar o nível de emprego e reduzir a pobreza.
“Nesse novo Brasil, aqueles que são sempre do contra estão ficando para trás. Pois nosso país avança sem retrocesso em meio a um mundo cheio de dificuldades. Hoje podemos ver como erraram feio no passado os que não acreditavam que era possível crescer e distribuir renda, que pensavam ser impossível que dezenas de milhões de pessoas saíssem da miséria e não acreditavam que o Brasil virasse um país de classe média”.
Dilma disse que os que tentaram “amedrontar” os brasileiros com a queda do emprego ou a perda do poder de compra do salário também erraram e que “não faltou comida na mesa nem emprego”. Também citou a saída de 19,5 milhões de brasileiros da linha da extrema pobreza nos últimos dois anos.
“O Brasil está cada vez maior e imune a ser atingido por previsões alarmistas. Nos últimos anos, o time vencedor tem sido os do que tem fé e apostam no Brasil. Por termos vencido o pessimismo e os pessimistas, estamos vivendo um dos melhores momentos da nossa história”.
Além de baixar o custo da energia, o Brasil tem baixado juros, reduzido impostos e também ampliou investimentos em infraestrutura, saúde e educação, segundo a presidenta. Na avaliação de Dilma, o país vai alcançar uma situação ainda melhor quando todos os brasileiros trabalharem para “unir e construir” e não para “desunir ou destruir”. “Somente construiremos um Brasil com a grandeza dos nossos sonhos quando colocarmos a nossa fé no Brasil acima dos nossos interesses políticos e pessoais”, concluiu.

Funcionário de TV, em São Luís, é executado na Madre Deus

Wadson Costa Rodrigues foi morto enquanto fazia um lanche. O detento do Complexo de Penitenciário de Pedrinhas seria o suposto mandante do crime.

SÃO LUÍS - O cinegrafista da TV Cidade, Wadson Costa Rodrigues, de 32 Anos, conhecido como Cof Cof, foi assassinado, na noite desta quarta-feira (23), na Praça da Saudade, no bairro da Madre Deus. No momento do crime, a vítima estava fazendo uma lanche na Praça da Saudade, depois de retornar do trabalho, por volta das 19h, quando foi surpreendido por dois homens em um carro preto. Ele foi alvejado com aproximadamente nove tiros.
Wadson ainda foi levado para o hospital municipal Djalma Marques, o Socorrão I, mas não resistiu aos ferimentos. A polícia investive a possibilidade de crime passional, uma vez que 'Cof Cof' vinha mantendo relacionamento como uma mulher identificada como Samara, que seria ex-namorada de um detento do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Segundo informações, Wadson já teria sido aconselhado, por pessoas próximas, para se afastar da jovem.
Wadson trabalhava como cinegrafista dos programas 'Balanço Geral' e 'Qual é a Bronca' da TV Cidade, em São Luís.

CAEMA faz Vereadora ir lavar roupa no Rio





Nesses dias sem água em Vitória do Mearim ,restou nossa Vereadora Tuica ir ao Rio lavar suas roupas ,isso mostra que o poder ainda não subiu em sua cabeça,mostrando sua humildade mesmo após sua posse como representante do povo ,mais devemos expressar o repúdio a CAEMA por causa desse e diversos fatos parecidos ,porque todos pagam impostos e contas absurdas e tem de espera quase dez dias para ter seu problema solucionado
ISSO É UMA VERGONHA!!!