terça-feira, 27 de agosto de 2013

Prefeitura de Matões do Norte recebe kits de irrigação para agricultores familiares


O titular da  Sagrima, Cláudio Azevedo, o secretário de Agricultura de Matões do Norte, Joaquim Neto, o prefeito Solimar Alves de Oliveira e o o superintendente regional da Codevasf, João Batista Martins
O titular da Sagrima, Cláudio Azevedo, o secretário de Agricultura de Matões do Norte, Joaquim Neto, o prefeito Solimar Alves de Oliveira e o o superintendente regional da Codevasf, João Batista Martins

Em solenidade realizada na tarde desta quinta-feira (22), na área externa do Centro Administrativo do Governo do Estado, a Prefeitura Municipal de Matões do Norte, representada pelo prefeito Solimar Alves de Oliveira e pelo secretário municipal da Agricultura, Joaquim Vieira Lima Neto, receberam 20 kits de irrigação, entregues pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima) e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf). Outros 14 municípios também foram beneficiados  com os kits.

Os kits, destinados a agricultores familiares, fazem parte da segunda etapa do Programa Água para Todos, integrante do Plano Brasil sem Miséria, voltado para o incentivo à produção agrícola de famílias que vivem na zona rural.

O prefeito de Matões do Norte, Solimar Alves de Oliveira, disse que os kits de irrigação serão entregues em dois povoados do município, que já estão realizando um bom tralho na agricultura. “Estes kits de irrigação, certamente, contribuirão para que os trabalhadores agrícolas de Matões do Norte melhorem a produção. Atualmente, parte dos produtos agrícolas produzidos em nosso município são comprados pela própria Prefeitura para o uso na merenda escolar. A outra parte é vendida no próprio município na Feira do Produtor, realizada pela Prefeitura”, disse o prefeito Solimar.

O evento contou com a presença do secretário da Sagrima, Cláudio Azevedo, o superintendente regional da Codevasf, João Batista Martins, os deputados estaduais Roberto Costa e Stênio Rezende, além de vários agricultores familiares, secretários de agricultura dos municípios beneficiados e prefeitos, que assinaram o Termo de Compromisso e Responsabilidade dos kits distribuídos.



O secretário Cláudio Azevedo informou que cada município ganhará 20 kits que irão possibilitar que os agricultores aumentem a sua área de plantio e a produção não só para consumo próprio, mas também para vender a produção, por exemplo, para o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). “Esse trabalho em conjunto com a Codevasf, que se instalou no Maranhão no ano passado e que já tem previstos R$ 520 milhões para investimento no estado, é muito importante para o fortalecimento do setor produtivo maranhense”, ressaltou Cláudio Azevedo.

Cada kit de irrigação, que utiliza o sistema de gotejamento, pode ser instalado numa área de até 500 m2, atendendo diretamente ao produtor em sua residência e utilizando pouca água, principalmente para o cultivo de frutas e hortaliças, dispensando, em alguns casos, a necessidade de bombeamento.

Em seu pronunciamento, o superintendente regional da Codevasf, João Martins, explicou que os kits de irrigação fazem parte da segunda etapa do Programa Água para Todos e que nesse sentido, a água utilizada pelas famílias são destinadas para produção agrícola. “A Codevasf e o Ministério da Integração Nacional são parceiros do governo do Maranhão e a entrega desses kits é a materialização de um trabalho importante que está sendo realizado no estado”, enfatizou.

Os agricultores que participaram da entrega dos equipamentos ficaram atentos ao depoimento do produtor de Lago da Pedra, José Ribamar Machado da Silva, que falou da transformação na sua área de plantio e da experiência com o uso do sistema de irrigação na produção de hortaliças, banana, abóbora e milho. “Antes eu tinha cinco canteiros e depois que instalei a irrigação eu aumentei para 30 canteiros, além de diversificar minha produção com o cultivo de outras culturas”, declarou ele. “Hoje trabalho eu, minha esposa, meu genro e ainda pago mais duas pessoas para me ajudar”, contou.

Francisca Helena dos Santos Oliveira, uma das contempladas com os 300 kit´s de irrigação por gotejamento, já faz planos para aumentar a renda e disse que atualmente planta algumas culturas só para consumo próprio e outras para abastecer o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). “Eu molho minha horta de 10 metros quadrados com balde e agora com esse kit eu vou aumentar meu plantio e plantar não só pro meu consumo, mas também para continuar vendendo pro  programa e ganhar um dinheiro a mais”, disse Francisca Oliveira.

Além dos 300 kits de irrigação distribuídos nesta quinta-feira, a parceria entre a Codevasf e a Sagrima está possibilitando ainda a aquisição de mais 337 kits de irrigação para pequenos e médios produtores, para áreas de 2 hectares.

Municípios contemplados: Matões do Norte ,Cantanhede, Colinas e Vargem Grande (Bacia do Rio Itapecuru); Lago da Pedra, Marajá do Sena, Santa Inês, São Raimundo Doca Bezerra, Vitória do Mearim e Vitorino Freire (Bacia do Rio Mearim), e; Água Doce, Anapurus, Brejo, Milagres e São Bernardo (Bacia do Parnaíba).

Água para Todos

Viabilizado por meio da parceria entre o governo estadual, através da Sagrima e a Superintendência regional da Codevasf, o Programa Água para Todos no Maranhão foi iniciado no ano passado e até a primeira quinzena de agosto deste ano já foram instaladas 3.978 cisternas, o que representa mais de 90% da meta inicialmente prevista para o estado.

As cisternas, com capacidade para armazenar 16 mil litros de água, tem como objetivo disponibilizar água para consumo às famílias que moram na zona rural maranhense.

Prefeito de Matões do Norte participa da 5ª Conferência Estadual das Cidades



O prefeito de Matões do Norte, Solimar Alves de Oliveira e seus assessores, José Carlos e Juranley Serejo
O prefeito de Matões do Norte, Solimar Alves de Oliveira e seus assessores, José Carlos e Juranley Serejo

O prefeito do município de Matões do Norte, Solimar Alves de Oliveira, acompanhado de seus assessores, José Carlos de Araújo Pontes e Juranley Serejo, estive presente na abertura da 5ª Conferência Estadual das Cidades, que está sendo realizada no Centro de Convenções Pedro Neiva de Santana, em São Luís, para discutir, durante três dias, a construção de propostas para implementação de políticas públicas nas áreas de habitação, saneamento, mobilidade e planejamento urbano. Os debates marcam a 5ª Conferência Estadual das Cidades, aberta nesta quinta-feira (22), com presença do vice-governador Washington Luiz, e dos secretários de Estado de Cidades e Desenvolvimento Urbano, Hildo Rocha, e de Infraestrutura, Luis Fernando Silva. O evento, que prossegue até sábado (24) e este ano tem como lema “Quem muda a cidade somos nós: Reforma Urbana já!”, reúne representantes dos 217 municípios maranhenses.

Também presentes os secretários Pedro Fernandes (Educação), Olga Simão (Cultura), deputados estaduais, prefeitos, entre eles o de São José de Ribamar e presidente da Federação dos Municípios do Maranhão (Famem), Gil Cutrim, a representante do Ministério das Cidades, Maria do Carmo Avesani, do membro do Conselho Nacional das Cidades, Enio Nonato Oliveira, entre outras autoridades. O secretário Hildo Rocha destacou que a conferência é a estância máxima da participação popular na gestão pública e neste caso na gestão do desenvolvimento urbano.

“Nós vamos discutir a mobilidade, a questão do transporte público, da acessibilidade, saneamento ambiental, abastecimento de água e esgotamento sanitário. São problemas que ocorrem e que estão sendo debatidos não somente nas cidades do Maranhão, mas de todo o Brasil”, disse Hildo Rocha.

Para o prefeito de Matões do Norte, Solimar Alves de Oliveira, a 5ª Conferência Estadual das Cidades é de suma importância para o desenvolvimento dos municípios maranhenses.



“Os debates aqui estão sendo muito proveitosos. Assim, com a participação de todos, chegaremos, sem sombra de dúvida, a propostas que melhorarão as políticas públicas nas áreas de habitação, saneamento, mobilidade e planejamento urbano”, disse o prefeito Solimar.

Da conferência, sairão as propostas que serão encaminhadas para os governos municipais, estadual e federal.  O secretário Luis Fernando Silva observou que a cidade tem hoje o papel de assegurar uma vida digna para os seus cidadãos. “Este evento é um passo importante para a Conferência Nacional das Cidades, que dará um rumo, com certeza, melhor ao futuro das cidades do Brasil. É importante destacarmos a participação da população e este mecanismo de conferência estimula uma integração da sociedade civil com o poder público”, disse Luis Fernando.

Conferência Nacional

Ao final do evento, os 800 delegados que participam da conferência irão aprovar as propostas que serão levadas para o evento nacional que acontecerá no mês de novembro, em Brasília, e que terá 59 delegados eleitos como representantes do Maranhão. Durante a conferência em São Luís também serão eleitos os 74 membros, entre titulares e suplentes, do Conselho Estadual das Cidades para a gestão 2014/2016.

A realização de conferências e a formação dos conselhos fazem parte de uma nova etapa do movimento social pela reforma urbana e desenvolvimento das cidades. O vice-governador Washington Luiz afirmou que este debate “tem que ser permanente e que é determinante para que se possa constituir projetos viáveis e satisfatório que tragam o bem estar à população”.

O evento, segundo Maria do Carmo Avesani, é importante porque é um momento de reflexão da sociedade sobre o planejamento urbano da cidade em todos os aspectos. “O Maranhão está bem mobilizado e os temas que aqui serão discutidos são diversos. Acredito que teremos bons resultados”, disse.

Ênio Nonato de Oliveira, membro do Conselho Nacional das cidades, disse que tem observado aqui no Maranhão uma grande mobilização por parte do governo estadual e municipais nessas discussões. “O secretário Hildo Rocha nos informou que todos os municípios fizeram suas conferências e grande parte deles está criando os seus conselhos, ato  importante porque é através da participação da população que você faz o controle social das políticas, que é fundamental para podermos desenvolver projetos mais interessantes para a população das cidades”, observou.

Preso estelionatário que agia em três Estados

Após ser preso, o acusado tentou subornar o delegado.
matéria.
Quadrilha agia no Ceará, Piauí e Maranhão
CODÓ – Foi preso, neste último fim de semana, Diogo Vinicius dos Santos, 21 anos, acusado de estelionato. De acordo com o delegado Reno Cavalcante de Farias, titular da Delegacia de Coroatá, Diogo Santos, natural de Teresina, é integrante de uma quadrilha de estelionatários que agia nos Estados do Ceará, Piauí e Maranhão.
Segundo o delegado, as principais vítimas do bando eram idosos com dificuldades de usar caixa eletrônico. “A quadrilha permanecia dentro da agência bancária sempre se prontificando a ajudar. Depois de realizar a operação, eles ficavam com o cartão da vítima e entregam outro falso, ou vencido, do mesmo modelo. Em posse dos cartões e das senhas, eles realizam empréstimos”, detalhou o delegado Reno Cavalcante.
Diogo Santos foi detido no momento em que tentava aplicar o golpe. Ao perceber que o cartão entregue pelo estelionatário não era seu, a vítima gritou e chamou a atenção das pessoas que estavam na agência bancária. Ele foi imobilizado pelos usuários do banco que, em seguida, acionaram a Polícia Militar. Dois comparsas que estavam com Diogo conseguiram fugir.
O estelionatário foi encaminhado à Delegacia de Coroatá. No distrito policial, ele pediu uma conversa reservada com o delegado Reno. Na ocasião, solicitou o número de uma conta no Banco do Brasil para fazer uma transferência no valor de R$ 4 mil para não ficar preso. O delegado deu um número de uma conta, pediu que sacassem o dinheiro e em seguida autuou Diogo por Corrupção Ativa e Estelionato. Toda a conduta delitiva praticada pelo autuado foi gravada em áudio e vídeo pelo delegado Reno.
De acordo com informações do delegado, Diogo Santos disse que foi detido outras vezes no Estado do Piauí, mas não foi autuado por ter subornado os policiais. Ele está detido no Centro de Detenção Provisória (CDP) à disposição da Justiça.

Juiz manda a júri popular todos os acusados na morte de Décio

Onze pessoas indiciadas no processo que investiga o assassinato do jornalista foram ontem pronunciadas pelo juiz Osmar Gomes dos Santos.
Saulo Maclean
Da editoria de Polícia
 
O juiz titular da 1ª Vara do Tribunal do Júri, Osmar Gomes dos Santos, pronunciou a júri popular os 11 acusados no processo que apura a morte do jornalista Décio Sá. A decisão do magistrado foi proferida ontem à tarde, em seu gabinete, no Fórum Desembargador Sarney Costa, no bairro Calhau. Ele deu prazo de cinco dias para que a defesa dos réus entre com os recursos nas instâncias superiores.

Médicos de fora começam a trabalhar em setembro em SL

Dez Unidades de Saúde da capital na Zona Rural serão beneficiadas.
 
SÃO LUÍS - A Secretaria Municipal de Saúde (Semus) informou que os médicos disponibilizados pelo programa “Mais Médicos”, do governo federal, chegam na próxima segunda-feira (2) à São Luís. No primeiro momento, dez Unidades de Saúde da capital, todas localizadas na Zona Rural, receberão os profissionais. Todos os médicos são brasileiros, em sua maioria com formação no Maranhão, exceto dois médicos, um da Bahia e outro do Rio de Janeiro.
O Programa visa atender localidades que não dispõem de serviços médicos e vai fortalecer principalmente a Atenção Básica. “É importante enfatizar que o programa “Mais Médicos” vai colaborar com quem mora na zona rural de São Luís, onde a dificuldade em afixar profissionais da saúde é grande”, afirma o secretário de Saúde, Cesar Felix.
Para ele, os novos médicos vão possibilitar agilidade no atendimento e no diagnóstico. “Agora com a assistência no local, os pacientes terão rapidez no diagnóstico, além de contribuírem com a diminuição da superlotação nas unidades. Em média, serão quatro mil consultas por mês”, enfatizou Cesar Felix.
Mesmo não tendo nacionalidade estrangeira, os médicos selecionados para trabalhar na capital tiveram que cumprir alguns pré-requisitos, como por exemplo, ser graduado por instituição de reconhecido padrão de qualidade e ter habilitação para o exercício da medicina no país de sua formação.
Todas as unidades de saúde da rede municipal receberão um médico, exceto o Centro de Saúde Dra. Valdecy Eleotéria Martins que receberá três profissionais.
O programa
O programa “Mais Médicos” tem o objetivo de aumentar o número de médicos atuantes na rede pública de saúde em regiões carentes e permite a vinda de profissionais estrangeiros ou de brasileiros que se formaram no exterior sem a necessidade de revalidação do diploma.
O programa foi instituído por meio de medida provisória assinada pela presidenta Dilma Rousseff e regulamentado por portaria conjunta dos Ministérios da Saúde e da Educação. A medida provisória que criou o programa também institui a abertura de 11.447 vagas em faculdades de medicina até 2017 e, a partir de 2015, aumenta em dois anos a grade curricular das faculdades públicas e particulares de medicina, com formação voltada à atenção básica (1º ano) e setores de urgência e emergência (2º ano).
Unidades de Saúde que receberão os profissionais:
Centro de Saúde Salomão Fiquene
Centro de Saúde Tibiri
Centro de Saúde Dra. Valdecy Eleoteria Martins
Centro de Saúde Jailson Alves Viana
Centro de Saúde Santa Barbara
Centro de Saúde Coqueiro
Centro de Saúde Coquilho
Centro de Saúde Gapara

Idoso é esfaqueado por vizinho no Bacuri

O suspeito da tentativa de homicídio foi preso e encaminhado para a Delegacia Regional.
Antonio Pinheiro
Idoso é esfaqueado por vizinho.
IMPERATRIZ - O crime aconteceu no fim da tarde desta segunda-feira (26), na rua Godo Fredo Viana, no Bacuri. Segundo informações da Central de Ocorrências da Polícia Militar, o aposentado Ebenézio Juvêncio da Silva, 64 anos, foi esfaqueado pelo vizinho Antônio José Saraiva, 31 anos.
A PM não confirmou se houve alguma briga entre os dois antes do acontecido. O idoso foi encaminhado para o Hospital Municipal de Imperatriz(HMI). O suspeito da tentativa de homicídio foi preso e encaminhado para a Delegacia Regional.