segunda-feira, 29 de abril de 2013

Polícia investiga homicídio em São Mateus do Maranhão

A Polícia Civil já instaurou o inquérito para apurar o homicídio que vitimou o empresário Valmir Queiroz Filho, de 43 anos, ocorrido na cidade de São Mateus do Maranhão na noite do último domingo (28). Segundo informações policiais, Valmir foi alvejado com oito disparos de arma de fogo ao reagir a um assalto na porta de sua própria residência. Equipes da Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI) também integram as investigações para elucidar o caso.

O crime ocorreu por volta das 22h30, enquanto Valmir aguardava a esposa chegar do trabalho. A Polícia informou que nenhuma linha de investigação será descartada, porém há indícios que apontam para um crime de latrocínio (roubo seguido de morte).

As investigações já identificaram que o crime foi cometido por três homens que estariam em veículo palio, de cor vinho. O bando, segundo a polícia, estaria nas proximidades da residência da vítima aguardando a chegada do casal. O empresário foi abordado no momento em que abria o portão da residência.

Após disparar contra Valmir Queiroz, o trio empreendeu fuga sem levar os pertences da vítima. Investigadores da 16ª Delegacia Regional de Bacabal e guarnições do 15º BPM estão realizando rondas na região a fim de localizar os suspeitos.

Explosão mata pelo menos uma pessoa no São Cristovão

Pelo menos uma pessoa teria morrido e outra teria ficado ferida, na tarde desta segunda-feira (29), em um acidente envolvendo um compressor de solda, no bairro do São Cristovão.

Segundo informações preliminares, um reparo estaria sendo feito em um caminhão quando o compressor explodiu.

A vítima fatal seria José Silva Carvalho, de 46 anos, funcionário de serviços gerais. Ele estaria atrás do caminhão, no momento da explosão.

Aguarde mais informações

Moradores protestam interditando estrada no bairro do Maracanã

Os manifestantes reivindicam melhoria no transporte, infraestrutura e combate à violência.
 
SÃO LUÍS - Moradores de vários bairros da zona rural interditaram, na manhã desta segunda-feira (29), a avenida principal do bairro do Maracanã. Os manifestantes colocaram fogo em pneus e toras de pau na estrada. Eles reivindicam a melhoria do transporte e das ruas do bairro. Um dos problemas mais preocupantes vivenciados pelos moradores é o da violência.

De acordo com Jéssica Batista, uma das organizadores do movimento, é triste a realidade da comunidade do Maracanã e adjacências.

- Estamos vivendo em completo estado de abandono. Temos a impressão que não estamos no Mapa de São Luís. Transporte precário, falta infraestrutura nas ruas. Além desses dois problemas estamos convivendo assustados com a violência. É grande o número de assaltos. Ninguém pode sair de casa - protestou.

Jéssica Batista afirmou que o movimento só acaba com a presença de representantes da Secretaria de Segurança Pública, de Obras do município e do transporte público.

- Estamos unidos e o movimento só acaba com as nossas reivindicações atendidas. As autoridades têm que deixar a teoria de lado e partir para prática - ressaltou.

Um carro da Polícia Militar está no local para evitar tumulto. Até o momento, a manifestação é pacífica.

Sete detentos fogem do Complexo Penitenciário de Pedrinhas

rês presos fugiram da Penitenciária de Pedrinhas. Quatro, do Centro de Detenção Provisória (CDP).
SÃO LUÍS - Sete detentos fogem no fim de semana, do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. Três fugiram da Penitenciária de Pedrinhas. Foram os internos Richardson Dean Gomes Silva, o “Recheio”; Pedro Edson Coelho, o “Pedro Alagado”; e Aleilson José Silva Castro fugiram, neste domingo (28), por um buraco feito na cela 19 da Penitenciária de Pedrinhas e que levava até um local desativado do estabelecimento penal, de onde foi efetuada a fuga

Devido a fuga, o chefe de segurança do presídio foi afastado do cargo pelo secretário Sebastião Uchoa.

Outra fuga

Na madrugada desta segunda-feira (29), quatro presos fugiram do Centro de Detenção Provisória (CDP), o "Cadeião". Entre os fugitivos: Jefferson Robson de Araújo, Artur José de Oliveira, Amilton de Jesus França e Danilo de Sousa Araújo. Eles serraram a grade da cela e subiram o muro da unidade prisional para fugir. Ninguém foi recapturado até o momento.

Nota

A Secretaria de Estado de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) informa o afastamento do chefe de Segurança e do chefe de Plantão da Penitenciária de Pedrinhas e a abertura de inquérito administrativo para apurar duas fugas de detentos, ocorridas nas madrugadas de domingo (28) e segunda-feira (29). Os dois funcionários ficarão à disposição da Corregedoria do Sistema Penitenciário.
Nas ocorrências, 7 internos fugiram, sendo 3 da Penitenciária de Pedrinhas e 4 do Centro de Detenção Provisória (CDP), também instalado no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís.

Buscas estão sendo empreendidas para recapturar os detentos ao presídio.

Adolescente de 16 anos mata o irmão na cidade de Cajapió

Aguinaldo Costa Soares foi assassinado durante briga com o irmão, apreendido pela polícia.
SÃO LUÍS - Um adolescente de 16 anos assassinou o irmão, identificado por Aguinaldo Costa Soares, de 24 anos. O crime aconteceu neste domingo (28), no município de Cajapió.

Segundo informações da polícia, os irmãos viviam brigado. Em uma das confusões entre os dois, o adolescente atirou contra Aguinaldo, que escapou da morte. Dessa vez, ele conseguiu atingir a vítima aplicando uma facada durante confusão.

Uma viatura da Polícia Militar conseguiu localizar o adolescente. Conduzido para delegacia foi feito o auto de apreensão em flagrante.

Polícia Rodoviária Federal registra oito acidentes das rodovias do MA

Apesar da quantidade de acidentes, não foram registrados feridos e óbitos.
Quatro pessoas foram presas por receptação de carga saqueada.

          
Oito acidentes foram registrados pela Polícia Rodoviária Federal do Maranhão neste sábado (27) nas rodovias que cortam o estado. Não houve o registro de nenhuma morte.
No município de Pastos Bons (a 537 km de São Luís), dois homens foram presos no km 17, da BR-230, por receptação de carga saqueada de um caminhão que estava carregado de sacas de milho e sofreu acidente no dia anterior. Uma hora e meia depois, mais duas pessoas foram presas por transportar 65 sacas de milho comprovadamente receptadas do mesmo saque, segundo informações da PRF.
Já no km 14 da BR-135, em Pedrinhas, um outro condutor foi preso, desta vez por apresentar o Certificado de Registro e Licenciamento do Veículo com suspeita de ser fraudado e licenciamento com atraso de cinco anos.
Morotista ficou preso às ferragens após o acidente (Foto: G1 Maranhão)
Na última sexta, um morotista de caminhão ficou
preso às ferragens após acidente na BR-13
Na tarde da última sexta-feira (26), um homem de 44 anos ficou gravemente ferido após colisão entre dois caminhões na BR-135, em São Luís. Segundo a PRF, o acidente aconteceu no quilômetro seis da rodovia, próximo ao Terminal de Integração do Distrito Industrial.
Devido ao forte impacto, o motorista do segundo caminhão, de 44 anos, ficou preso às ferragens e teve que ser atendido pelo Corpo de Bombeiros e Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Para retirá-lo do veículo, os bombeiros  utilizaram um equipamento especializado.
Logo em seguida, o motorista foi encaminhado para atendimento médico no Hospital Clementino Moura (Socorrão II), em São José de Ribamar, região metropolitana de São Luís.

tópicos:

Carro capota na rotatória do Bacanga e ameaça cair no Rio das Bicas

Acidente aconteceu na manhã desta segunda-feira (29).
Motorista fugiu do local e carro será rebocado.

         
Carro ameaça cair no Rio das Bicas (Foto: Douglas Pinto/TV Mirante)
Carro ameaça cair no Rio das Bicas
Um veículo capotou, na manhã desta segunda-feira (29) na rotatória do Itaqui-Bacanga e ameaça cair no Rio da Bicas, em São Luís.

O acidente aconteceu no início da manhã e o motorista fugiu do local. Segundo a Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), o carro será rebocado mesmo sem a presença do dono.

Apesar de estar fora da via, o carro atrapalha o tráfego no local, pois muitos motoristas param para ver o acidente.
Carro será rebocado pela SMTT mesmo sem a presença do dono. (Foto: Douglas Pinto/TV Mirante)
Carro será rebocado pela SMTT mesmo sem a presença do dono. (Foto: Douglas Pinto/TV Mirante)
 

Homem será julgado acusado de assassinar três pessoas na Santa Clara

oana Fonseca, que vendia espetinho na frente de um bar, foi uma das vítimas de Evangelista Reis da Silva. O julgamento será nesta quinta-feira.
 
SÃO LUÍS - Evangelista Reis da Silva será julgado pelo 4º Tribunal do Júri de São Luís, acusado do assassinato, no dia 13 de abril de 2010, de Antônio Gomes dos Santos, Carlos César Lopes Lima e Joana Fonseca. O crime ocorreu em um bar no bairro Santa Clara. O julgamento, presidido pelo juiz José Ribamar Goulart Heluy Júnior, será na próxima quinta-feira, dia 2 de maio, no Fórum desembargador Sarney Costa, no Calhau, começando às 8h30.

De acordo com a denúncia do Ministério Público, Antônio Gomes e Carlos César Lopes estavam bebendo na companhia de outras duas pessoas, quando Evangelista Reis e outros dois homens, armados de revólver, chegaram ao bar indagando sobre um homem chamado “Banana”. Como não tiveram resposta, engatilharam suas armas e dispararam na direção das pessoas que estavam no local, matando Antonio Gomes, Carlos César e Joana Fonseca que vendia espetinho na frente do bar.

O acusado e os dois comparsas foram ao local do crime à procura de “Banana”, que teria assassinado um companheiro dos denunciados, conhecido como Cássio. “Banana”, de acordo com a denúncia do Ministério Público, seria um conhecido traficante de drogas do bairro Santa Clara.

Na segunda-feira (29), também será julgado pelo 4º Tribunal do Júri Sivirino Fernandes de Almeida Filho, denunciado pelo assassinato de José Marlison, no dia 01 de dezembro de 2009, na Cidade Olímpica. O crime aconteceu por volta das 21h, quando a vítima fazia pichações na parede do estabelecimento comercial do acusado. Nesse momento, Sivirino Fernandes, da janela do 2º andar do prédio, atirou na vítima com uma espingarda bate-bucha, de fabricação caseira, acertando 14 vezes José Marlison.
Acusado da morte de João Batista da Silva Cavalcante, sentará no banco dos réus, na terça-feira (30), Josué Carvalho da Silva. Ele foi denunciado de assassinar a vítima com dois tiros de revolver, no dia 11 de março de 2010.

Atuarão nas sessões de julgamento da semana, no 4º Tribunal do Júri, o promotor de Justiça Pedro Lino Silva Curvelo e o defensor público Marcus Vinícius Campos Fróes.

Acidente na rodovia Pedro Neiva de Santana deixa um morto e um ferido

Segundo a policia, uma caminhonete bateu no mototáxi e a passageira morreu.
 
IMPERATRIZ – O acidente de trânsito entre uma motocicleta e uma caminhonete pick up acontecido na tarde de domingo (28) na rodovia Pedro Neiva de Santana, próximo ao local conhecido como Lagoinha, entre Imperatriz e João Lisboa, deixou uma pessoa morta de outra ferida.
Segundo testemunhas, a pick up teria atingido parte da traseira da motocicleta que era utilizada como mototáxi ocupada por um casal.
No choque Francisca Sousa Silva, que estava na garupa, caiu já sem vida e o piloto do mototaxi, José Vitalino da Silva, marido dela, foi levado ao Hospital Municipall (Socrrão) em estado grave.
A Polícia Militar anunciou que prendeu em flagrante o motorista da pick up, Deybson Henrique Sousa Guimarães porque ele estaria sob efeito de bebida alcoólica e ainda não prestou socorro às vítimas.
Segundo o policial Castro, o motorista da pick up foi preso em flagrante após se recusar fazer o teste do bafômetro, embora apresentasse sinais claros de embriaguês.
A polícia deteve ainda o proprietário da caminhonete, Hélio Vieira Porto porque de posse de uma chave reserva ele teria sido flagrado jogando garrafas de cerveja no lixo, o que seria uma forma de descaracterizar as provas.
O delegado plantonista, César Andrade disse que iria avaliar o caso antes de indiciar os suspeitos. Ele lembrou que Hélio será indiciado por fraude processual, mas cabe fiança.
Durante uma revista no carro, os policiais encontraram copos garrafas de bebida.

PRF registra seis acidentes nas estradas federais

Foram três acidentes com quatro pessoas feridas e duas pessoas presas por embriaguez ao volante.
SÃO LUÍS – Nas últimas horas, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) registrou sete acidentes nas estradas federais do Maranhão. Nesses sete acidentes, quatro foram com danos materiais e três foram com feridos, no total foram quatro pessoas feridas.

Em Santa Inês, no km 260 da BR 316, Marcos Jhones Carvalho Silva foi preso por dirigir embriagado e provocar um acidente. Ele conduzia o veículo Imp/Kia Sportage, placa LWC8852/MA.

Em Balsas, no Km 407 da BR 230, foi preso José Raimundo Alves por conduzir o veículo Fiat Marea, placa LVT4634/RS, também em estado de embriaguez alcoólica.

Em Peritoró, no Km 424 da BR 316, foi preso Thiago enrique de Freitas Rodoveri por conduzir veículo Fiat/190H, placa BXB3677/TO , transportando Trator Komatsu D 50 sem nota fiscal.

E em Riachão, no Km 462 da BR 230, foram apreendidos uma espingarda calibre 28, duas espingardas calibre 32, 15 cartuchos de calibre 32 e três cartuchos de calibre 28. O homem que conduzia o veículo Ford/ f 1000, placa AKL4040/PR, Ismael Lopes do Carmo, e os passageiros Raimundo da Silva Dourado e José Soares dos Santos foram presos por porte ilegal de armas.

Em todos os casos, as ocorrências foram encaminhadas às Delegacias de Polícia Civil locais.

Veículo invade autoescola, no bairro Nova Imperatriz

Segundo os moradores, a caminhonete era conduzida por um adolescente.
IMPERATRIZ – O acidente aconteceu na madrugada deste domingo (28), no cruzamento das ruas São João e Rio Grande do Norte, no bairro Nova Imperatriz. Segundo informações dos moradores, o condutor da caminhonete, que seria um adolescente de 17 anos, perdeu o controle, bateu num poste e invadiu uma autoescola. A frente do veículo quebrou a parede e entrou no imóvel. Os vizinhos acordaram com o barulho da batida.
Vários acidentes já foram registrados no mesmo cruzamento, o que levou a Secretaria de Trânsito a instalar um conjunto semafórico no local.
A proprietária da autoescola, Elissandra Resplandes, disse que foi procurada pelos donos do veículo, que avaliaram o prejuízo e se comprometeram em pagar as despesas com a reforma no imóvel. Pela manhã a polícia esteve no local.