domingo, 14 de abril de 2013

Homens que assaltaram banco em Matões são procurados pela polícia

Operação recebeu reforço de cinco cidades do Maranhão e Piauí.
Rotas de fuga da cidade já foram checadas e fechadas pelos policiais.


A polícia está à procura dos seis homens que assaltaram uma agência do Banco do Brasil na sexta-feira (12), em Matões, a 467 quilômetros da capital. A operação recebeu reforço da polícia de Timon, Parnarama, Caxias, São Luís e até de Teresina.
Todas as prováveis rotas de fuga da cidade foram checadas e fechadas pelos policiais, mas até o momento, nenhum dos suspeitos foram presos. De acordo com a polícia civil, os bandidos estavam fortemente armados no momento do assalto.
"Três armas longas. Até onde eu sei, eles tinham um fuzil, duas escopetas e pistolas que, apesar de serem armas curtas, são armas de um poder de fogo considerável", explicou o delegado Antônio Valente.
No prédio, os rastros dos assaltantes somam prejuízos. Portas de vidro da agência foram destruídas e marcas de balas ficaram espalhadas pelas paredes. Armários também foram revirados. No momento do assalto, oito funcionários trabalhavam no local, que  também estava cheio de clientes. Quinze pessoas foram feitas reféns.
A gerência ainda não divulgou a quantia levada pelos assaltantes. Depois de libertar os reféns no Campo de Aviação, os bandidos queimaram o carro e continuaram a fuga com uma caminhonete roubada na cidade. A população ficou assustada com a ação dos assaltantes e reclama de insegurança.

Morre maranhense que estava em ônibus que caiu do viaduto

Allyson estava entre as vítimas do acidente com um ônibus no Rio de Janeiro.
SÃO LUÍS - O Maranhense Allyson Regis Medeiros, natural de Caxias, morreu neste sábado. Allyson estava entre as vítimas do acidente com um ônibus que caiu do Viaduto Brigadeiro Trompowski, no dia 2 de abril no Rio de Janeiro.

O jovem, de 24 anos foi para o Rio estudar desde novembro do ano passado. No dia do acidente, Allyson Regis Medeiros estava voltando da universidade quando o ônibus caiu do viaduto. O jovem estava internado, mas não resistiu.

Quadrilha explode caixas eletrônicos na cidade de Fortuna

Esta já é a segunda vez, em menos de seis meses, que este tipo de atentado acontece na mesma agência bancária do município maranhense.
Na madrugada deste sábado, (13) por volta das 3h, seis bandidos armados explodiram dois caixas eletrônicos do banco Bradesco no município de Fortuna (MA) e fugiram em três motocicletas.

Esta é a segunda vez, em menos de seis meses, que acontece este tipo de crime na mesma agência bancária do município.


De acordo com o delegado Paulo Artur, da regional de Presidente Dutra que está respondendo pelo caso, uma equipe de policiais comandada pela delegada Silvana Carvalho já está no local apurando o caso. Até o momento ninguém foi preso.

Moradores da cidade informaram que foram acordados com barulho da explosão e chegaram a ver os bandidos fugindo.