quinta-feira, 27 de junho de 2013

Greve no DNIT pode comprometer as obras de duplicação da BR-135

A paralisação do órgão vai interferir no trabalho de medição do avanço da obra; servidores querem aumento de salário.
O ritmo das obras de duplicação da BR-135, único acesso por terra à São Luís, pode ficar comprometido no próximo mês devido à greve iniciada há três dias pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT). A informação foi confirmada pelo superintendente regional do órgão no Maranhão, Gerardo Fernandes, em entrevista a O Estado.
Sem o trabalho de medição do avanço da obra, que deve ser enviado mensalmente para o sistema nacional do DNIT, os trabalhos ficarão paralisados até que os fiscais que atuam no Campo de Perizes voltem a trabalhar. A greve nacional do órgão não tem previsão para ser finalizada. Os servidores estão cobrando aumento de salário, equiparação salarial e reestruturação na carreira.
 
 
 
 
 
 
Leia mais na edição on line de O Estado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário